Auditório da Escola de Gestão e Contas do TCMSP passa a integrar Circuito Cineclubista da Spcine Notícias

13/01/2020 17:30

A partir deste mês o auditório da Escola de Gestão e Contas (EGC) do Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCMSP) passa a fazer parte da rede de salas de exibição de filmes do Circuito Cineclubista da Spcine, empresa de cinema e audiovisual ligada à Secretaria Municipal de Cultura. A iniciativa vai ao encontro do desejo de aproximar cada vez mais o Tribunal de Contas dos munícipes paulistanos e colocar os espaços da instituição à disposição da sociedade para diferentes tipos de eventos, desde seminários, palestras e cursos até apresentações culturais, como já acontece mensalmente com as apresentações musicais do Programa Concertos Didáticos.

O auditório da EGC será, assim, incorporado a uma rede que conta com outras 20 salas de exibição espalhadas pela cidade de São Paulo, fazendo parte de um projeto que tem como finalidade democratizar o acesso ao cinema em bairros não atendidos pelas salas comerciais e garantir mais locais de projeção de filmes gratuitos, com prioridade para os títulos nacionais.

O filme que marca a estreia do auditório da ECG como novo espaço cinematográfico da cidade é Bacurau, que será exibido no dia do aniversário de São Paulo, 25 de janeiro, sábado, às 15h30 horas. Dentro da proposta de promover a partir da temática das obras apresentadas um espaço de reflexão e discussão de ideias, haverá ao final da sessão um debate com o ator de Bacurau, Thomas Aquino, e com a atriz e professora da Escola Superior de Artes Célia Helena, Luaa Gabanini, aberto aos questionamentos do público.

Bacurau, escrito e dirigido por Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, ganhou, entre outros, o Prêmio do Júri do Festival de Cannes, na França, e o prêmio de melhor filme no Festival de Cinema de Munique, na Alemanha. Numa linguagem que mistura drama, faroeste e ficção científica, a história trata, em linhas gerais, da defesa dos habitantes de um povoado fictício do interior do Nordeste contra a invasão de um grupo de turistas que pretende exterminá-los.

No dia 30 de janeiro, quinta-feira, às 17 horas, será a vez de Era o Hotel Cambridge, de Eliane Caffé. O longa narra a trajetória de refugiados recém-chegados ao Brasil, que, com trabalhadores sem-teto, ocupam um velho edifício abandonado no centro de São Paulo.

O auditório, que passou pela aprovação técnica da Spcine, tem capacidade para 137 pessoas e todas as exibições serão gratuitas e abertas ao público.

Veja o trailer oficial de Bacurau:

Serviço

Filme: Bacurau (2019).

Dia: 25 de janeiro.

Horário: 15h30.

Local: Avenida Professor Ascendino Reis, 1.130 - Portaria B.

O filme não é indicado para menores de 16 anos.

Entrada gratuita.

Haverá debate com o atores Thomas Aquino e Luaa Gabanini após a exibição do filme.

 

Filme: Era o Hotel Cambridge (2016).

Dia: 30 de janeiro.

Horário: 17h00.

Local: Avenida Professor Ascendino Reis, 1.130 - Portaria B.

O filme não é indicado para menores de 12 anos.

Entrada gratuita.